Banner
Base bibliográfica geral
Registos: 1 - 2 de um total de 2
O meu comentário Facebook Twitter LinkedIN
Título: Métodos ocultos de investigação criminal em ambiente digital
Autor(es): David Silva Ramalho
Edição: 1. ed
Publicação: Coimbra : Almedina, 2017
Descrição física: 378 p. ; 23 cm
Colecção: (Monografias)
Notas: Bibliografia pág. 357-378
Resumo: O mundo digital traz desafios novos e relevantes ao Direito Processual Penal. As características da prova digital e a proliferação de técnicas anti-forenses, aptas a frustrar investigações criminais com reduzido esforço, impõem a renovação de critérios e factores a considerar no recurso a métodos ocultos de investigação criminal. Nesse quadro, torna-se necessário, desde logo, ponderar soluções de compatibilização entre os interesses da perseguição penal e a tutela de direitos fundamentais, situando numa zona de equilíbrio constitucionalmente admissível o recurso a métodos mais invasivos. A superação das dificuldades na investigação criminal em ambiente digital passa, por um lado, pela aceitação da necessidade de incorporação de novas tecnologias de natureza oculta na investigação criminal e, por outro, por uma reconfiguração do enquadramento e tratamento desses métodos, removendo-os do domínio estrito da analogia com o mundo físico e conferindo-lhes espaço para a sua compreensão e desenvolvimento com plena autonomia
ISBN/ISSN: ISBN 978-972-40-7000-1
Assuntos: Direito processual penal | Direito penal | Investigação criminal | Métodos ocultos | Ambiente digital | Prova digital
CDU: 341.1
Veja também: Ramalho, David Silva
Localização: DOP.337 (CEJ) - 30000031340

Capa

O meu comentário Facebook Twitter LinkedIN
Título: A utilização de novas tecnologias no âmbito da investigação criminal e as suas limitações legais : a interceptação de comunicações em massa e os softwares de espionagem
Autor(es): Eduardo Bolsoni Riboli
Notas: Bibliografia p. 76-77
Resumo: O presente estudo tem como finalidade analisar a problemática relacionada à utilização de novas tecnologias no âmbito da investigação criminal, em particular novos métodos ocultos de investigação como a interceptação de comunicações em massa e os softwares de espionagem, e os requisitos necessários para conferir legitimidade à aplicação destes novos recursos, de modo a impedir arbitrariedades das autoridades responsáveis pela investigação e garantir a proteção dos direitos fundamentais e das liberdades individuais do indivíduo investigado
Publicado em: In: Galileu. - Lisboa : UAL. - V. 19, n.º 2 (2018), p. 49-77
Assuntos: Investigação criminal | Meios de obtenção de prova | Tecnologias de informação e comunicação | Métodos ocultos | Direitos fundamentais
Veja também: Riboli, Eduardo Bolsoni
Outros recursos:
Localização: PP.238 (CEJ)