Banner
Base bibliográfica geral
Registos: 1 - 4 de um total de 4
O meu comentário Facebook Twitter LinkedIN
Título: O homem do futuro
Autor(es): Paul Lengrand ; trad. de Maria Emília Ferros Moura
Edição: 1ª ed
Publicação: Lisboa : Moraes Editores, 1976
Descrição física: 94, [1] p. ; 20 cm
Colecção: (Psicologia e pedagogia)
Notas: Tit. orig.: L'homme du devenir vers une education permanente.
Assuntos: Psicologia | Educação permanente | França | Educação de adultos
Veja também: Lengrand, Paul | Moura, Maria Emília
Localização: POA.78 (CEJ) - 30000002081

O meu comentário Facebook Twitter LinkedIN
Título: O Estado social ativo : um novo paradigma legitimador das políticas públicas em Portugal
Autor(es): João Eduardo Martins
Resumo: Elabora-se neste artigo uma reflexão crítica sobre as políticas de ativação estatal a partir da análise dos resultados empíricos de uma investigação sociológica sobre a implementação das políticas públicas de educação de adultos no âmbito da Iniciativa Novas Oportunidades. O novo paradigma de políticas públicas centrado na ideia de Estado social ativo é aqui questionado a partir das representações dos técnicos responsáveis pela implementação desta medida, uma vez que é possível constatar que nem todos os beneficiários são perspetivados como dispondo das características necessárias para ir ao encontro da ideologia estatal da ativação. A partir de um estudo qualitativo que recorre a entrevistas aprofundadas com formadores de adultos, foi possível construir uma tipologia de beneficiários que remete para uma diversidade de modos de relação com as propostas de ativação estatal
Publicado em: In: Revista Crítica de Ciências Sociais. - Coimbra : C.E.S.. - N.º 108 (dezembro 2015), p. 157-174
Assuntos: Desigualdade social | Estado social | Educação de adultos | Políticas públicas
Veja também: Martins, João Eduardo
Localização: PP.3 (CEJ)

O meu comentário Facebook Twitter LinkedIN
Título: Governação, reformas do Estado e políticas de educação de adultos em Portugal : pressões globais e especificidades nacionais, tensões e ambivalências
Autor(es): Fátima Antunes
Resumo: Neste texto, toma-se o desenvolvimento do dispositivo de reconhecimento, validação e certificação de competências como mote para debater opções na reforma do Estado quanto ao seu envolvimento na provisão do bem-estar social. Argumenta-se que o Estado português, em consonância com horizontes reformistas da matriz sociopoltica de governação e do Estado gestionário, criou uma oferta pública de educação e formação de adultos desvinculada de um sistema público, que passa pela contratualização e pela fundação de um quase-mercado e coloca sob contingência direitos sociais e humanos de produtores e de beneficiários do serviço público. O percurso estudado é marcado por tensões entre uma politica social multidimensional e uma politica para/segundo a economia, de cariz qualificacionista, particularista e compensatório. A dinâmica em curso afirma a educação, o Estado e a governação como terrenos de luta, conflituais e contraditórios, em que têm lugar a acção e o enfrentamento politicos.
Publicado em: In: Revista Crítica de Ciências Sociais. - Coimbra : C.E.S., 1978- . - Nº 92 (Mar. 2011), p. 3-29
Assuntos: Estado | Educação de adultos | Portugal
Veja também: Antunes, Fátima
Localização: PP.3 (CEJ)

O meu comentário Facebook Twitter LinkedIN
Título: Assistência psicológica e formação de adultos
Autor(es): António Simões
Publicado em: In: "Jornal de Psicologia", Porto, A. 8, (3), Mai-Jun. 1989, p. 22-23.
Assuntos: Psicologia | Formação profissional | Educação de adultos
Veja também: Simões, António
Localização: PP.138 (CEJ)