001 CEJ20181108100635
100   ^a20181108d2018    k  y0porb0103    ba
101  0^apor
102   ^aPT
200  1^a<A >responsabilidade civil como (derradeira) manifestação de juridicidade dos deveres conjugais?^eacórdão do Supremo Tribunal de Justiça (2.ª Secção) de 12.05.2016, Proc. 2325/12.3TVLSB.L1.S1^fanot. Rute Teixeira Pedro
330   ^aDeveres conjugais. Direito à indemnização. Danos não patrimoniais. Direitos de personalidade. Cálculo de indemnização. Impugnação da matéria de facto. Poderes da relação. Factos conclusivos
461   ^tCadernos de direito privado^cBraga^bCEJUR - Centro de Estudos Jurídicos do Minho^vN.º 61 (jan.-mar. 2018)^pp. 33-62
606   ^aResponsabilidade civil
606   ^aDeveres conjugais
606   ^aIndemnização
606   ^aDanos não patrimoniais
606   ^aDireitos de personalidade
608   ^aReferências legislativas
608   ^aReferências jurisprudenciais
615   ^aDireito Administrativo
702  1^aPedro,^bRute Teixeira^4020
920 n
921 a
922 a
923  
924  
925  
931 20181108
932 d
933 2018
934     
935 k  
936 y
937 0
938 ba