100   ^a20160505d2015    k  y0porb0103    ba
101 0 ^aeng
102   ^aPT
200 1 ^a<The >under-complexity of social rights^fLuís Heleno Terrinha
330   ^aNeste estudo, pretende-se observar criticamente a estrutura societal dos direitos sociais e os processos intra-societais que os cunham. A nossa atenção dirige-se para as consequências sistémico-operativas que os direitos sociais provocam, suportam ou promovem no que toca aos sistemas político e jurídico. Para este propósito, e seguindo as premissas fundamentais da sociologia de Niklas Luhmann, damos eco a uma interpretação dos direitos como linguagem do poder, concluindo que os direitos sociais induzem a expansão e o crescimento das operatividades autopoiéticas política e jurídica. Em face do facto de que os direitos sociais não dispõem de qualquer mecanismo interno que restrinja ou limite as tendências expansivas, declaramos a sua sub-complexidade baseada nas disrupções negativas que podem daí resultar para o sistema político, o sistema jurídico e a sociedade funcionalmente diferenciada como um todo
461  1^tRevista da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa = Lisbon Law Review^cLisboa ^bF.D.U.L ^vVol. 56 (2015)^pp. 27-53
606   ^aTeoria do direito
606   ^aSociologia
606   ^aDireitos sociais
606   ^aEstado social
700  1^aTerrinha,^bLuís Heleno
920 n
921 a
922 a
923  
924  
925  
931 20160505
932 d
933 2015
934     
935 k  
936 y
937 0
938 ba