100   ^a20150721d2014    k  y0porb0103    ba
101 0 ^apor
102   ^aPT
200 1 ^a<A >permanência de velhos vícios, sob o mito de novos tempos^eas opções judiciais de D. Pedro, Duque de Bragança (1832-1834)^fIsabel Graes
330   ^aIntrodução. I. As novas relações. II. Os desembargadores do liberalismo de Trinta. 2.1. A nomeação para as Relações. 2.2. As novas mercês régias. III. Conclusão. IV. Apêndice documental: a) A Constituição das novas Relações; b) Breves notas bibliográficas dos desembargadores pedristas
461  1^tRevista da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa^cLisboa ^bF.D.U.L ^vV. 55, n.º 1 e 2 (2014)^pp. 129-188
606   ^aHistória
606   ^aHistória do direito e das instituições
607   ^aPortugal
700   ^aGraes,^bIsabel
920 n
921 a
922 a
923  
924  
925  
931 20150721
932 d
933 2014
934     
935 k  
936 y
937 0
938 ba