100   ^a20140116d2012    k  y0porb0103    ba
101 0 ^apor
102   ^aPT
200 1 ^a<A >arbitragem e o direito de acesso aos tribunais^esuspeitas de colisão^fIsabel Celeste M. Fonseca
330   ^a0- Nota introdutória. I- A duvidosa constitucionalidade de normas que acolhem a arbitragem obrigatória e definitiva, especialmente no domínio da contratação pública. II- O direito de acesso aos tribunais (rectius, aos tribunais do Estado). III- (In)conclusões
463  1^acoord. Luís Couto Gonçalves ...[et al.]^tEstudos em homenagem ao Professor Doutor Henrique Ewald Hörster^cCoimbra^bAlmedina^d2012^pp. 1171-1182
606   ^aDireito administrativo
606   ^aArbitragem
606   ^aArbitragem obrigatória
606   ^aTribunal Arbitral
607   ^aPortugal
700  1^aFonseca,^bIsabel Celeste M.
920 n
921 a
922 a
923  
924  
925  
931 20140116
932 d
933 2012
934     
935 k  
936 y
937 0
938 ba