100   ^a20120627d2012    k  y0porb0103    ba
101 0 ^apor
102   ^aBR
200 1 ^aAfinal de contas, existe segurança jurídica em sede de contratação electrônica?^fWesley Tomaszewski, Fabio Nicaretta 
330   ^ao presente artigo tem por ipeque tecer algumas considerações Ibre a segurança e a certeza jurídicas âmbito da contratação eletrônica. Para tanto, partir-se-á do modelo adotado pelo Código Civil pátrio, ou seja, um sistema aberto permeado por cláusulas gerais. Analisa-se, também, a possibilidade de incidência analógica e a necessidade de uma nova normatização para comportar as celebrações realizadas no ambiente digital. Por fim, vislumbra-se a problemática decorrente da adoção da incidência analógica ou legislação projetada à luz da segurança jurídica. 
461  1^tRevista da AJURIS^cPorto Alegre^bAJURIS^d1999-^x1679-1363^pp. 195-220^vA. 39, Nº 125 (Mar. 2012)
606   ^aContratação electrónica
606   ^aSegurança
700  1^aTomaszewski,^bWesley 
701  1^aNicaretta,^bFabio^4070
920 n
921 a
922 a
923  
924  
925  
931 20120627
932 d
936 y
937 0
938 ba
966   ^lCEJ^sPP.250^120120627