100   ^a20120326d2011    k  y0porb0103    ba
101 0 ^apor
102   ^aPT
200 1 ^aTransformando a nação^eos nacionalismos dos partidos de centro-direita em Espanha e na Polónia^fMadalena Meyer Resende
330   ^aO presente artigo propõe uma tipologia de nacionalismos que distingue entre os nacionalistas extrovertidos, que vêm positivamente as relações das nações com outras nações, e os nacionalistas introvertidos, i.e., aqueles que assumem que as relações com as outras nações são inerentemente conflituosas. O artigo enumera, também, as semelhanças e as diferenças entre as tipologias introvertida/extrovertida e as que distinguem entre nacionalismo cívico e étnico. Para ilustrar a relevância desta tipologia o artigo analisa os discursos de dois partidos conservadores, o Partido Popular espanhol (PP) e o Lei e Justiça polaco (PiS). Em ambos os países os processos de adesão à União Europeia e a devolução de poderes para regiões sub-estatais levaram à transferência de poderes soberanos no interior e para além do Estado, forçando os partidos conservadores a reformar as narrativas introvertidas sobre a nação.
461  1^tAnálise social^cLisboa^bG.I.S.^d[1964?]-    ^pp. 741-764^vV. 46, Nº 201 (Out.-Dez. 2011)
606   ^aAnálise social
606   ^aPartidos políticos
606   ^aExtrema-direita
606   ^aIntegração europeia
607   ^aEspanha
607   ^aPolónia
700  1^aResende,^bMadalena Mayer
920 n
921 a
922 a
923  
924  
925  
931 20120326
932 d
936 y
937 0
938 ba
966   ^lCEJ^sPP.159^120120326