100   ^a20100323d2009    k  y0porb0103    ba
101 0 ^apor
102   ^aPT
200 1 ^a<Um >caso de europeização do direito constitucional português^e<a >afirmação de um direito fundamental ao reagrupamento familiar^fAna Rita Gil
330   ^a1. Introdução; 2. A protecção do reagrupamento familiar pelo Conselho da Europa; 2.1. O reagrupamento familiar à luz da Convenção Europeia dos Direito do Homem; 2.2. O reagrupamento familiar à luz de outros instrumentos do Conselho da Europa; 3. O reagrupamento familiar à luz do Direito da União Europeia; 3.1. O direito ao reagrupamento familiar dos cidadãos da União Europeia; 3.2. O direito ao reagrupamento familiar dos nacionais de países terceiros; 4. O reagrupamento familiar à luz do Direito Constitucional; 4.1. Protecção constitucional da família; 4.2. O reagrupamento familiar enquanto direito fundamental; 4.3. A Europeização do Direito Fundamental ao reagrupamento familiar; 4.4. Manifestações da Europeização do Direito Fundamental ao Reagrupamento Familiar na jurisprudência Constitucional; 5. Conclusões
461  1^tRevista de direito público^cCoimbra^bAlmedina^d2009-    ^x1646-9119^vN.º 2 (Jul.-Dez. 2009)^pp. 9-61
606   ^aDireito da família
606   ^aDireito comunitário
606   ^aUnião Europeia
700  1^aGil,^bAna Rita
920 n
921 a
922 a
923  
924  
925  
931 20100323
932 a
933 2009
937 0
938 ba
966   ^lCEJ^sPP.255^120100323