100   ^a20120717d2012    k  y0porb0103    ba
101 0 ^apor
102   ^aPT
200 1 ^a<O >plano para a integração dos imigrantes^eque preocupações com os idosos imigrantes?^fCristina Casas
320   ^aBibliografia pág. 151
330   ^aApesar de Portugal ter uma experiência recente de imigração, tem vindo a ser amplamente reconhecido internacionalmente pelos seus progressos nas políticas de integração e respetivos impactos na concessão de direitos a imigrantes. Estas opções políticas são marcadas por um modelo holístico clarificado de forma concertada, desde 2007, com a definição dos Planos de Integração de Imigrantes. Na segunda edição do plano, aprovado em Conselho de Ministros em 2010, ficaram previstas, pela primeira vez, algumas medidas dirigidas aos idosos imigrantes, reconhecendo esta nova realidade emergente no país. Este artigo procura apresentar os contornos dessas medidas e discutir alguns dos objetivos a alcançar até 2013.
461  1^tMigrações^cLisboa^bAlto Comissariado para a Imigração e Diálogo Intercultural^d2007-    ^x1646-8104^vN.º 10 (Abr. 2012)^pp. 145-151
606   ^aIntegração de migrantes
606   ^aPessoa idosa
606   ^aImigrante
700  1^aCasas,^bCristina
856   ^uhttp://www.oi.acidi.gov.pt/docs/Revista_10/Migracoes10web2.pdf^zClick para obter o texto em PDF
920 n
921 a
922 a
923 0
924  
925  
931 20120717
932  
933 2012
934     
935 k  
936 y
937 0
938 ba
966   ^lCEJ^sPP.244^120120717